Avançar para o conteúdo principal

Te Amo*

(Foi assim, ao som desta bonita música)

Um dia apaixonei-me
Olhei com outros olhos uma pessoa
Aquela pessoa que seria mais tarde
A pessoa por quem me aproximei
Por quem comecei a nutrir carinho
E um amor sem explicação óbvia
Era bem claro o que eu sentia
Quando meu coração batia forte só de a ver
Quando meu corpo tremia só de a abraçar
Quando me mexia no meu cabelo e eu a tentava beijar
Logo aí soube que eras tu
A pessoa que sempre amarei
A pessoa que farei feliz
Todos os momentos são descobertas de um arrebatador amor
Todos os beijos são carinhosamente dados
Delicados são os abraços partilhados até ao amanhecer
O por do sol faz parte dos nossos amantes encontros
Que deslumbramos deitados sobre a areia
Com a caricia da brisa que toca nossas peles
E interrompe o nosso calor humano
O nosso calor de fugaz paixão
Sim, meu amor
Meu coração bate por ti
Sem duvida alguma!
Te Amo*












Comentários

  1. Oh...Paula, tão lindo!!! Ensina-me poesia?
    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isa :)

      Eu não escrevo nada demais, apenas o que a inspiração no momento traz. Porque não tentas escrever um a ver como sai? :p
      Os que eu escrevo são muito simples como podes reparar :)

      Eliminar
  2. Oh... que lindo. Até fiquei emocionada.

    ResponderEliminar
  3. Que lindo Texto e que belas palavras.
    Amei...
    Bjstos

    ResponderEliminar
  4. Não conhecia esta deles, gostei! O texto então... ;)

    ResponderEliminar
  5. Adoro essa música tanto tanto...=)
    ...o amor é assim, chega de fininho e instala-se quase sem se fazer notado....I miss that....bj*
    p.s. logo volto e comento os restantes post's sim?

    ResponderEliminar
  6. Muito giro! Tens imenso jeito. Parabéns =)

    http://viverentrelacos.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. A música é linda e o teu poema não poderia de alguma forma ficar atrás :)

    ***

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

A Madrinha tem Saudades Tuas

Tenho tantas mas tantas saudades tuas
Queria presentear o teu crescimento
Queria que tivesses mais perto e que convivêssemos mais vezes
Queria ser uma madrinha que visses frequentemente, do que apenas uma vez por ano
Queria poder ver a tua evolução na fala, nos primeiros passos
Queria viver mais o teu sorriso pessoalmente
Ver os teus dentinhos de leite a rebentarem e as tuas choradeiras de dor
Se soubesses o tamanho da minha saudade
A saudade de te pegar ao colo
De ver somente o teu sorriso de orelha a orelha
A tua simpatia incrível e de um acordar maravilhoso
Queria ir mais vezes contigo ao parque infantil
Partilhar brincadeiras contigo e grandes beijos entre madrinha e afilhada
Ajudar-te a dar os primeiros passos e a segurar-te quando te desequilibrares
Queria tanto que estivesses aqui
Aqui, bem mais perto de mim
Estás longe, numa distancia imensa
E só te poderei ver um mês de cada ano
Isso é muito pouco para matar a saudade, para simplesmente ver-te crescer
Que saudades minha quer…

Puffs Mágicos - Uma ideia criativa

Há poucos meses atrás tive conhecimento de uma página com artigos muito originais, a Puffs Mágicos ! Fiquei bastante surpreendida com a personalização dos puffs e simpatizei imenso com a ideia então propus uma parceria. A Cati, administradora da página, aceitou o convite e não podia ficar mais contente, pois seria algo novo para presentear e dar a conhecer aos seguidores. Correu tudo muito bem e a Cati é super profissional no que faz, além de ser uma pessoa bastante simpática e responsável.
Para quem ainda não conhece a Puffs Mágicos, este post servirá para vos dar uma breve noção do que podem encontrar nela. Expus algumas fotos de puffs com e sem personalização, caso queiram com a gravação do nome têm essa possibilidade sem qualquer custo adicional. Há puffs tanto para adultos, como para bebés e crianças.
Descrição da página: "A Puffs Mágicos tem como objetivo criar puffs personalizados.
Por não haver pessoas iguais nós adotamos o conceito de personificar puffs de forma a nos t…

Em modo de Desabafo...

Hoje escrevo em modo de desabafo, sei que não tenho dado a devida atenção ao Blog, tenho me centrado mais em lançar passatempos, pois há pessoas que felizmente me vêm pedir parceria e eu agradeço a confiança que depositam. Mas tenho consciência que o tema do Blog não se centra exclusivamente em parcerias/passatempos, mas sim um pouco de tudo sobre a minha vida, opiniões, etc. Neste momento não tem sido fácil conciliar o Blog, com vida pessoal e trabalho, de qualquer forma vou tentando expor o que posso e o que de alguma forma possa contribuir para algo útil ao lerem os post's publicados. A inspiração também não tem ajudado, sinto que sou forçada a criar assuntos e isso não é bom sinal para quem tem um Blog e não sente que o que está a escrever, servirá para algo, parece que estamos a escrever apenas porque sim, apenas porque tem de ser para não deixar o "Blog às moscas".
A nível de saúde também tenho tido alguns problemas, inclusive um deles é que ando com uma dor inte…