Eu queria que soubesses ...

Eu queria que soubesses
O quanto te amo
E que às estrelas eu confesso
Mas muitas das palavras me faltam
Para caracterizar o que sinto
Para descrever ao mínimo detalhe
Aquilo que me invade.

Fico pensando como te posso o dizer
Como poderei me declarar
Falta-me a coragem
Quase que não reajo
E paraliso no tempo
Como o farei
Sem que percebas o meu nervosismo
Sem gaguejar uma única palavra.

A noite instala-se
Bem estrelada e brilhante
Querendo eu que uma estrela
Levasse até ti o meu segredo
O meu sentimento.

Eu queria que soubesses
O quanto te amo 
E o quanto espero um sinal teu.

Comentários

  1. Lindo poema, adoro poemas, beijokinhas e bom fim de semana!!

    ResponderEliminar
  2. Um amor em segredo...Lindo poema, Paula!
    Um ótimo sábado, querida!
    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
  3. E porque esperas? A paixão é para ser vivida :)*

    Lindo poema amiga :)

    ResponderEliminar
  4. ...é que as coisas mais imp são sempre as mais dificeis de verbalizar não é? bj*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade... E às vezes parecem ser as coisas mais simples de se dizer :)

      Eliminar
    2. ...mas acredito que se não fosse pelo esforço que acarreta não teriam metade do valor...bj*

      Eliminar
  5. E eu não queria que soubesses que mais uma noite estive à tua espera, até porque isto de andares sempre a te chatear comigo derruba-me as defesas. Mas é assim, tenho saudades tuas.

    Beijinhos **

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

A Madrinha tem Saudades Tuas

Puffs Mágicos - Uma ideia criativa

Nicequest - Site de Questionários - Trocas Pontos por Produtos