Avançar para o conteúdo principal

Suspiro!

O meu receio de vez em quando volta e eu não sei o que fazer quando o tenho em mente. Tenho medo de confiar nas pessoas, tenho medo que de novo me magoem fortemente o peito. Já encarei tanta pessoa que me fez ser a pessoa desconfiada que sou hoje, que tenho um receio enorme de tornar a confiar e de novo me destruírem por dentro. Não entendo porque existe tanta gente banal e que não levam nada a serio. Ou talvez eu leve a vida serio demais...
Confesso que tenho medo do futuro, de como será, de como vou estar daqui a uns tempos....como será a minha vida. Sei que não devia sequer pensar nisto e viver um dia de cada vez, sentindo cada minuto como se fosse o ultimo. Mas o meu mal seja mesmo pensar muito nas coisas, pensar nos prós e contras do futuro, enfim... Só queria um pouco de estabilidade na minha vida, um pouco mais de segurança e provas de confiança. E o ser pessimista não ajuda em nada, quero sempre fincar a esperança em mim, mas a negação anda sempre na minha cabeça. Já ouvi falar que pessoas pessimistas morrem mais cedo, porque vivem mais na tristeza que propriamente procurando a sua própria felicidade. Eu tento mudar esse meu mal, dos muitos que tenho, mas quando tento e estou a correr o caminho certo, parece que quando chego a meio, os pensamentos lá aparecem e tudo volta ao mesmo. Quero um dia seguir o caminho e nunca mais voltar para trás buscando todas as pedrinhas que fui compondo. 

Só espero mesmo que não me magoem de novo, queria tanto que a felicidade estivesse aos meus pés e eu a pudesse ver de olhos bem abertos. Será que ela está e eu não a vejo ou não quero ver? Era tão bom que nos dessem um sinal de aviso, tudo seria mais fácil.
Suspiro!


Comentários

  1. Sempre vai haver pessoas que te vão magoar, desiludir ou decepcionar, tu não podes é deixar que elas te afectem. Eu sei que é complicado e torna-se mais difícil quando se gosta, mas ter medo do que pode eventualmente acontecer faz com que não vivas a tua viva. Por isso, chora, sorri, dá o que tens de melhor de ti aos outros. Depois de caíres serás mais forte para continuar o teu percurso e ser feliz :)

    Mesmo que pareça que em algum momento estamos parados e que não saímos do sítio a verdade é que continuamos a delinear a nossa vida, só que mais lentamente.

    Beijito* amiga :)

    ***

    ResponderEliminar
  2. Se fosse tarefa fácil, muito mais pessoas felizes haveria nesse mundo.
    As mesmas incertezas ocupam a mente de todos, apenas diferencia a forma como lidam com elas.
    Se não nos der-mos a conhecer sem receios, não poderemos esperar conhecer ninguém...

    ResponderEliminar
  3. Paula...é muito difícil não ter medo do futuro, "o desconhecido". E confiar nas pessoas depois de alguns tombos é complicado também. Mas de repente, nos vemos querendo confiar de novo...e é muito importante que dê uma chance para o seu coração, mesmo que você o faça bem devagar, no seu tempo, um passo de cada vez...
    :)
    Um beijinho de Bom Dia!!!

    ResponderEliminar
  4. Com o tempo vais aprender a confiar novamente nas pessoas e em ti também, nas tuas capacidades...e quando isso acontecer todo o pessimismo e todos os receios vão desaparecer! Quanto ao futuro, o melhor mesmo é não pensar muito nele, pois nem sequer sabemos se vamos a tempo de o viver...por isso, é aproveitar cada momento com quem mais amamos, a fazer o que mais gostamos!

    ResponderEliminar
  5. Eu percebo o que escreves e é uma forma de desabafares, mas
    em género de conselho o que te posso dizer é que não devemos evitar fazer as coisas com medo de sofrer. Por um lado, é com as quedas que damos que aprendemos mais. Por outro lado, à medida que vamos dando mais quedas, menos dói, porque aprendemos a lidar com as coisas cada vez melhor.
    Uma boa semana ;)

    ResponderEliminar
  6. Tens de pôr na tua cabeça que nem todas as pessoas são iguais. E mesmo que te magoem tenta apenas lembrar-te dos bons momentos.
    Não sabia que os pessimistas vivem menos tempo :o será que vou viver mais tempo? :p

    ResponderEliminar
  7. Leio tanto de mim aqui!! E olha que não queria mesmo nada!!
    Acho que já pensei mais como tu e ainda tenho os meus dias de dúvidas mas tentoo dar uma oportunidade sempre (menos no amor ai custa sempre mais) acredito que não tenhas conhecido ainda as pessoas certas, pois quando as encontrares por muito desconfiada que sejas elas saberão derrubar uma a uma tdas as barreiras que ergueres...(mas precisas deixar sim?).
    Quero muito acreditar que as pessoas de bom coração acabam mais cedo ou mais tarde por serem recompensadas...=)
    Espero que assim seja contigo e bem rápido...=D
    bj*

    ResponderEliminar
  8. Sem duvida que tens que encarar a vida de modo positivo e optimista para conseguires ser mais feliz.

    ResponderEliminar
  9. Temos de encontrar a medida certa para confiar... nem pouco nem muito mas o suficiente para deixar que as pessoas entrem nas nossas vidas...
    Ainda vais ser muito feliz!!!
    :)

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

A Madrinha tem Saudades Tuas

Tenho tantas mas tantas saudades tuas
Queria presentear o teu crescimento
Queria que tivesses mais perto e que convivêssemos mais vezes
Queria ser uma madrinha que visses frequentemente, do que apenas uma vez por ano
Queria poder ver a tua evolução na fala, nos primeiros passos
Queria viver mais o teu sorriso pessoalmente
Ver os teus dentinhos de leite a rebentarem e as tuas choradeiras de dor
Se soubesses o tamanho da minha saudade
A saudade de te pegar ao colo
De ver somente o teu sorriso de orelha a orelha
A tua simpatia incrível e de um acordar maravilhoso
Queria ir mais vezes contigo ao parque infantil
Partilhar brincadeiras contigo e grandes beijos entre madrinha e afilhada
Ajudar-te a dar os primeiros passos e a segurar-te quando te desequilibrares
Queria tanto que estivesses aqui
Aqui, bem mais perto de mim
Estás longe, numa distancia imensa
E só te poderei ver um mês de cada ano
Isso é muito pouco para matar a saudade, para simplesmente ver-te crescer
Que saudades minha quer…

Puffs Mágicos - Uma ideia criativa

Há poucos meses atrás tive conhecimento de uma página com artigos muito originais, a Puffs Mágicos ! Fiquei bastante surpreendida com a personalização dos puffs e simpatizei imenso com a ideia então propus uma parceria. A Cati, administradora da página, aceitou o convite e não podia ficar mais contente, pois seria algo novo para presentear e dar a conhecer aos seguidores. Correu tudo muito bem e a Cati é super profissional no que faz, além de ser uma pessoa bastante simpática e responsável.
Para quem ainda não conhece a Puffs Mágicos, este post servirá para vos dar uma breve noção do que podem encontrar nela. Expus algumas fotos de puffs com e sem personalização, caso queiram com a gravação do nome têm essa possibilidade sem qualquer custo adicional. Há puffs tanto para adultos, como para bebés e crianças.
Descrição da página: "A Puffs Mágicos tem como objetivo criar puffs personalizados.
Por não haver pessoas iguais nós adotamos o conceito de personificar puffs de forma a nos t…

Em modo de Desabafo...

Hoje escrevo em modo de desabafo, sei que não tenho dado a devida atenção ao Blog, tenho me centrado mais em lançar passatempos, pois há pessoas que felizmente me vêm pedir parceria e eu agradeço a confiança que depositam. Mas tenho consciência que o tema do Blog não se centra exclusivamente em parcerias/passatempos, mas sim um pouco de tudo sobre a minha vida, opiniões, etc. Neste momento não tem sido fácil conciliar o Blog, com vida pessoal e trabalho, de qualquer forma vou tentando expor o que posso e o que de alguma forma possa contribuir para algo útil ao lerem os post's publicados. A inspiração também não tem ajudado, sinto que sou forçada a criar assuntos e isso não é bom sinal para quem tem um Blog e não sente que o que está a escrever, servirá para algo, parece que estamos a escrever apenas porque sim, apenas porque tem de ser para não deixar o "Blog às moscas".
A nível de saúde também tenho tido alguns problemas, inclusive um deles é que ando com uma dor inte…