Todos os Anos é Assim

Como todos os anos temos o dia 1 de Novembro, dia de todos os Santos e é quando as famílias visitam o cemitério para deixar uma vela, uma oração ou flores aos seus familiares já falecidos. Sei que uns seguem essa tradição, mas outros não ligam muito a isso. Eu desde pequena fui educada a ir sempre todos os anos nesse dia ao cemitério com a minha mãe à campa dos meus avós. Ela não me obriga, mas como sempre a acompanhei, acabei por me habituar e até gostar de visitar a campa dos meus avós. Não me faz qualquer confusão estar num cemitério  o que para algumas pessoas não é bem assim e não gostam de lá entrar. De noite obviamente que teria algum receio e a essas horas não iria lá fazer nada :) Até porque na minha terra fecham o cemitério ao fim da tarde.
Então hoje fui lá com a minha mãe, porque amanhã seria muita gente e pelo que sei vai estar a chover. Limpamos a campa, acendemos umas velas, colocamos flores e sabem que mais? Eu gosto bastante de o fazer, sinto-me bem e é como se tivesse a oferecer mimos a alguém que neste caso são os meus avós. Apesar de não ter convivido muito com eles, pois faleceram cedo demais (ou eu nasci tarde demais :p), sinto que ao acompanhar a minha mãe é o melhor gesto que posso fazer e chego a dizer-lhe que depois um dia serei eu no lugar dela a vir lá, quando ela um dia partir (espero eu que seja bem tarde).
Tenho uma família grande e a maioria não liga muito, alguns também estão longe e só vão quando se lembram se assim o posso dizer, de resto só a minha mãe é que vai mais vezes lá e arranjar as flores, tal como limpar a campa. Eu, nos meus tempos de catequese ia algumas vezes depois de assistir à missa, não ia sozinha, mas sim com uma vizinha minha e minha melhor amiga na altura. Ela também tinha a campa da avó e então íamos as duas dar uma visita, não rezávamos  apenas sentiamo-nos bem em visitar as campas dos nossos parentes. Apesar de não gostar de funerais e evitar estar presente neles, não significa que não goste de visitar quem já faleceu. Já fui católica praticante, mas neste momento já não sou tão praticante como era antes. Foi assim que a minha mãe me educou e não me arrependo nada de lhe seguir as pegadas :)

Comentários

  1. Eu também me habituei com a minha mae a ir ao cemitério no dia 1. Este ano não vou poder ir mas já o faço há muitos anos e gosto de ir lá nesse dia :)

    ResponderEliminar
  2. Adorei! Adorei! Vou seguir, segues-me também?

    ResponderEliminar
  3. Só perdi uma pessoa, foi a minha avó o ano passado. Já lá fui depois do funeral mas não sinto que lá ir 'faça diferença'. Quando quero 'estar' com ela limito-me a pensar nela (:

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Soraia compreendo e penso que muita gente faça isso. Mas eu gosto de lá ir, gosto de fazer uma visita e embelezar a campa, foi algo que sempre me agradou, talvez por ter sido habituada assim.

      Eliminar
  4. A minha família também tem o hábito de ir ao cemitério visitar os entes queridos no dia 1 de Novembro :)

    ResponderEliminar
  5. comigo passa-se precisamente a mesma coisa.
    vou desde pequena e também não me faz confusão.
    beijinhos querida**

    ResponderEliminar
  6. Eu sei que isto não é o shiuuu mas nunca fui ao cemitério ver os meus avôs, nem sei onde é que os 4 estão enterrados :S

    ResponderEliminar
  7. Eu faço parte daquele grupo de pessoas que não cumpre a tradição neste dia e vai ao cemitério,mas este ano talvez o faça.Faço também parte daquele grupo de pessoas que odeia ir a funerais,mas quando o faço gosto de dar uma vista de olhos nas campas,mesmo que não conheça as pessoas.Acho que devemos dar valor as pessoas em vida e não depois de morrerem mas as vezes custa me ver o desprezo que existe com algumas campas,e é realmente bom existir um dia que sirva para homenagear os que já partiram.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim claro Márcia, devemos dar valor quando elas estão vivas, mas quando morrem não ficam esquecidas, pelo menos comigo não e nada melhor que ter um cantinho onde possamos ir e oferecer algo a elas, por terem pertencido um dia nas nossas vidas e ao nosso passado. Além de que foram importantes e estão sempre no nosso coração.
      E também me entristece ver campas quase abandonadas e com flores secas de anos e anos que passaram e os familiares não voltaram.

      Eliminar
  8. nºao gosto do ritual que se forma à volta do cemiterio :/

    ResponderEliminar
  9. Eu não gosto muito de ir ao cemitério. A minha mãe e a minha avó vão regularmente desde que o meu avô morreu, mas antes já iam sempre, pelo menos, neste dia.
    Realmente ir ao cemitério não é para mim, mas compreendo que fica mal ver campas de familiares abandonadas.
    Beijinhos*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O meu pai também não é muito destas coisas, acho que vai dos hábitos que temos. Mas pronto :)

      Eliminar
  10. Acho que deves fazer sempre o que te vai no coração, se assim for, estarás sempre bem contigo mesma :)

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

A Madrinha tem Saudades Tuas

Tragédia que Nunca Esquecerei

Avó Ausente