Hipnose - Fobias e Medos

Hoje o assunto é sobre hipnose. Para alguns já é um tema conhecido, mas para outros é algo que deixa as suas dúvidas e curiosidades. Eu poderei falar-vos um pouco sobre o que é hipnose, pois já fiz um tratamento devido à minha fobia.

Hipnose, não se trata de adormecer ou ficar num estado em que não nos lembramos de nada, como muitos pensam e eu própria pensava antes de experimentar. Pensava eu que entrava num transe em que não iria sentir ou ouvir nada, mas é totalmente o inverso. Ouvimos, falamos e sentimos tudo durante a sessão. Entrar em transe pode ser aquele espaço de tempo que estamos a adormecer ou simplesmente ir a conduzir e do nada a nossa mente divaga em pensamentos, nunca vos aconteceu passar num local e mais à frente questionarem-se "Eu já passei por aquele local?" ou por exemplo ir num elevador (este exemplo li num site e achei que deveria partilhar para perceberem melhor o conceito de transe), "Sempre que entramos no elevador, apertamos o botão do andar para onde vamos, nos dirigimos para o fundo da cabine e ficamos olhando os números acenderem e apagarem até o nosso andar. Nosso corpo está ali, mas e nossa mente? Geralmente, nessa situação, nossa mente começa a divagar, começa a viajar… pensamos nas contas que não pagamos, pensamos no trabalho da faculdade que está atrasado, pensamos na “morte da bezerra”, mas não pensamos em como o elevador está subindo ou descendo, em como funciona os mecanismos que são necessários para que ele suba e desça. Ou seja, enquanto nossa mente divagou, nossa atenção estava totalmente voltada para além do que e de onde estávamos. Isso é transe! E saímos disso naturalmente com a campainha da porta do elevador se abrindo."

Portanto, a hipnose não é um bicho de sete cabeças como alguns pensam, em que se perde os sentidos etc, nada disso. As minhas sessões tinham duração de uma hora, sentada ou deitada numa cadeira/sofá e de preferência com os olhos fechados. Primeiro tem de se trabalhar a origem do problema, descobrir em episódios passados, traumas, ansiedades ou medos a causa de um presente atormentado, pois uma coisa que descobri é que alguns episódios da nossa vida passada, podem manifestar-se no nosso presente, por vezes vêm lentamente a dar sinais de alerta, mas que passam um pouco de despercebidos e descobrem-se depois quando já temos um problema de saúde que nos impede muitas vezes de ter qualidade de vida, tais como as fobias/medos irracionais, entre outros.

Depois de se detetar a origem, tenta-se trabalhar essa parte, reconstruindo esse ou esses episódios menos bons na nossa vida, tentar apaziguar a dor, a tristeza, ou ansiedade que sentimos naquele momento passado e claro, há técnicas usadas para isso. No meu caso foi como proteger o meu EU desprotegido que criou imensas defesas em pequeno que hoje em dia começaram a dificultar a minha vida. É verdade que quem tem medo, foge ou evita submeter-se a situações que provocam insegurança, contudo temos de saber distinguir o medo racional e que não atrapalha a nossa vida, outra é ter um medo irracional e que vai nos tirando a qualidade de vida ou de viver em paz.

Termino este post dizendo-vos que a hipnose não é nada de absurdo ou que devemos desconfiar, é um tratamento alternativo como outro qualquer, mas para tudo é preciso fé e esperança, caso contrário nada feito. Talvez quisessem saber mais sobre o meu estado de saúde, mas por enquanto fico-me por aqui, quem sabe mais tarde contarei a minha "história" :) Só posso dizer uma coisa, a cura para estes casos, está sobretudo na nossa mente e força de vontade (e claro nos bons profissionais)!

Comentários

  1. Não estou muito a par deste tema, nunca fui hiptotizada, nem conheço ninguém que tenha sido, mas acho o tema super interessante, e adoro ver reportagens ou documentários sobre o assunto.

    ResponderEliminar
  2. Eu conheço e assisti a uma sessão de hipnotismo e estou completamente de acordo contigo, e sinto que preciso também de fazer pois hoje em dia tenho esses medos irracionais que me estão a tirar qualidade de vida. Obrigada pela partilha querida 😘

    ResponderEliminar
  3. É um assunto que me desperta muita curiosidade e vontade de realizar uma secção.
    Obrigada pela partilha. Bjnho

    ResponderEliminar
  4. Muitas vezes penso em. Gostava de fazer.

    ResponderEliminar
  5. Obrigada pela partilha e um assunto que pouco se fala acho muito interessante

    ResponderEliminar
  6. Sinceramente até gostava de ser hipnotizada!Já pensei e já comentei isso algumas vezes.

    ResponderEliminar
  7. Obrigada pelas informações super uteis :)

    ResponderEliminar
  8. Um tema que gostaria de explorar pois também tinha a ideia que ao ser hipnotizada ficávamos sem nos lembrarmos de nada do que acontecia ou fazíamos e sempre achei que isso comigo não seria possível. No futuro quem sabe se não me vou aventurar numa sessão para conhecer como tudo se processa.O ser humano por norma tem medo do desconhecido e muitas vezes é nesse desconhecido que encontrámos a solução para alguns dos nosso problemas !

    ResponderEliminar
  9. SEMPRE TIVE CURIOSIDADE EM RELAÇACO A ESTE ASSUNTO...MAS N SEI PORQUE NAO SEI SE CONSEGUIRIA....n sei se por medo...não sei , mas gostava de fazer, mas teria de ser com a pessoa certa,

    ResponderEliminar
  10. Por acaso nunca fui hipnotizada , mas é um assunto pouco falado , tenho alguma curiosidade nesse tema, e gostava um dia sujeitar-me a tal ! obrigada por partilhares aqui conosco este assunto que como disse é pouco falado !

    ResponderEliminar
  11. Olá.

    Nunca passei pela experiência e tenho muita pena que seja um assunto tão pouco abordado, mas do pouco que ouvi, dizem que é bom para desbloquear medos. Gostaria de um dia experimentar. Sou adepta que tudo o que ajude deve ser abraçado. :)

    Beijinhos,
    Sónia Carvalho

    ResponderEliminar
  12. Obrigado pelo tema que me interessa muito. É interessante e deixa -me curiosa com o fato se ser hipnotizada

    ResponderEliminar
  13. É um assunto que me "fascina"... mas que, por outro lado, me faz algum receio. É um pouco estranho! Mas que suscita curiosidade, suscita!

    ResponderEliminar
  14. Já tinha ouvido falar e julgo que é uma temática bastante interessante. Li à pouco tempo, um artigo em que fala que a hipnose tem bastante utilidade nomeadamente em quem tem problemas depressivos.

    ResponderEliminar
  15. Já ouvi falar sobre o assunto e há pessoas que realmente dizem que faz efeito

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

A Madrinha tem Saudades Tuas

Tragédia que Nunca Esquecerei

Avó Ausente