"Amo-te" Tem de Ser Valorizado e Sentido

Quantas vezes nos sentimos inseguros e com receio que nos estejam a enganar? Que tudo aquilo não passará de um sonho. Então quando uma pessoa é ferida no passado, custa sempre conseguir confiar no presente e depois o que surge é a insegurança e o medo de voltar a sofrer e ficar só, mas com a mágoa a acompanhar os seus dias.
Hoje em dia amar parece muito fácil e por isso que se vê "Amo-te" por todo o lado, mas digam-me, acham mesmo que esses "Amo-te" são sentidos? São de facto verdadeiros? Quantas vezes as pessoas nos enganam ou confundem os sentimentos e magoam ao dizer um Amo-te que mais tarde será "Eu odeio-te" ou "Eu não quero saber mais de ti". É simples dizê-lo, mas e senti-lo? Acham assim tão simples? Para mim essa palavra é muito importante, mas quando dita de coração, quando realmente sentimos o amor dentro de nós, aquele que nos sufoca de alegria, que nos faz sorrir todos os dias e que nos faz sonhar vezes sem conta. Eu já tive com algumas pessoas na minha vida e já sofri muito, mas confesso que nunca saiu da minha boca um "Amo-te" a nenhuma dessas pessoas, porque na realidade eu cheguei à conclusão que não amava e o que nos confunde é muita vez a paixão e admiração que surge. Para mim serão poucos os "Amo-te" que disser, mas quando os declarar serão verdadeiramente sentidos e vindos do coração, sem dúvidas, sem receios, apenas uma entrega total de mim mesma e dos meus sentimentos por essa pessoa. 

Comentários

  1. Tb nunca a disse, apesar de ter a firme certeza de já a ter sentido (mas ironia das ironias, só percebi tal facto depois de ter deixado de ser verdade)...ai adorei a imagem...vou roubar ;)
    bj*

    ResponderEliminar
  2. É possível que a grande maioria não passe de um "gosto de ti" ou "adoro-te" muito forte, mas também acredito que muitos desses "Amo-tes" são tanto enganos para quem os ouve como para a própria pessoa que os diz.

    Gostei das frases da imagem, são bem verdade. E na minha opinião o mesmo se pode dizer de "odiar". É outra palavra que vejo atirarem para o ar sem mais nem menos.

    Beijinho *

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Odiar sim, também é uma palavra muito forte e pode magoar bastante. Isto claro no que diz respeito a sentimentos e pessoas. Porque eu odeio muita coisa :p Mas por acaso o verbo amar já não utilizo muito, já opto mais pelo Adoro.

      Eliminar
    2. Mesmo aplicado a coisas, sítios, etc. acho que é demasiado usado. Pouco espaço há para o "não gosto" e outras variantes mais leves. Se vires o verbo odiar como o extremo oposto do verbo amar, continuas a odiar assim tanta coisa?

      Eliminar
    3. Normalmente até digo "detestar" em vez de odiar, porque pelo facto de achar demasiado excessiva a nível de significado.
      Mas posso dizer que odeio sofrer e aí já não acho exagero nenhum, enquanto que amo amar e namorar, apesar de ainda não ter encontrado a pessoa com quem um dia irei amar de facto com toda a letra.

      Eliminar
  3. Estou contigo!
    Eu também só disse um amo-te até hoje, mas também só tive um namorado :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu, namorado mesmo só tive um Soraia :)
      Mas por ironia do destino envolvi-me com duas pessoas, uma delas porque me amava bastante mas eu não podia corresponder porque não sentia o mesmo e outra pessoa foi o inverso, eu gostei dessa pessoa, mas ela aproveitou-se dos meus sentimentos. Enfim, pessoas e coisas da vida. Serão sempre lições. Mas mesmo tendo assumido um namoro, na verdade comecei a dar conta que ao conhecermo-nos cada vez mais e melhor, as coisas não se estavam a encaminhar da devida maneira, por isso a minha entrega nunca fui total, e por isso Amo-te não foi dito. Para mim só o direi quando sentir no fundo o que é amar mesmo, sentir aquele fogo que nos envolve e nos faz derreter nos braços de alguém :)

      Eliminar
  4. Concordo com cada palavra... a palavra AMAR está muito banalizada nos dias de hoje... até objectos se amam!!! :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem-vinda Maria :)

      É verdade, a palavra Amo-te é muito banalizada mesmo. Eu chegava a ver em redes sociais os próprios amigos tratarem-se por Amo-te e achava aquilo uma estupidez e uma tremenda banalidade com a palavra que estavam a utilizar. Porque não um Adoro-te? Na verdade muita gente não sabe mesmo o que é amar. Eu não amo amigos, e mesmo os meus pais posso dizer que os amo, mas é um amar diferente e mesmo assim normalmente o que lhes digo é Adoro-te. Dei tal maneira valor à palavra Amo-te que só quando sentir algo mesmo diferente e muito bom dentro de mim, é que o direi. E nunca será de forma forçada ou banalizada, mas sim sentida.

      Eliminar
  5. Subscrevo! E há ainda quem tenha pressa de o dizer, sentir como se isso fosse uma obrigação e que só depois desse "nível" é que tem algo bom entre mãos. *

    ResponderEliminar
  6. Como eu te percebo...Não podemos deixar que a palavra AMO-TE seja tão banalizada...

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  7. Eu adoro dizer que amo quem amo e que me digam que me amam se o sentem realmente, mas a verdade é que as ações é que provam o valor do sentimento. Estou em falta contigo, mas esta semana vou tentar por-me em dia, lol;) beijokinhas e boa semana!!!

    ResponderEliminar
  8. Mais uma vez concordo com o que escreveste,e é por isso acontecer tantas vezes que já nem escrevo nada no meu blog porque tu quase que escreves por mim lol Agora a serio,dizer amo te por vezes parece tão fácil como o deixar de sentir.No meu caso eu todos os dias uso a palavra amo-te mas digo isso as minhas sobrinhas e a elas é mais do que sentido e reciproco e é assim que vale a pena ;)

    ResponderEliminar
  9. Já tinha lido esse pequeno texto e gostei muito. =)
    Bem, quanto à palavra já o disse uma vez a uma espécie de namorado [mas foi naquela fase parva da adolescência em que pensamos q gostamos da pessoa]. Puffff jurei q não o diria tão cedo e muito menos se não fosse sentido.
    Namoro à quase 1 ano com uma pessoa maravilhosa e que adoro, mas a palavra "Amo-te" nunca foi pronunciada de nenhum lado. Sinceramente, queremos levar as coisas com calma e fazer as coisas nas alturas certas. Quando tiver que ser dito, será e acredito que será um momento especial, onde não será forçado e onde tb acredito q seja sincero. Venha quando vier =)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fazes bem Catia, demore o tempo que demorar, nós só temos de o dizer quando realmente sentimos e achamos que é o momento certo para tal, quando o nosso coração disser, diz de uma vez o que sentes, diz o teu Amo-te sentido :)
      Por isso acredito que esse dia irá chegar e se já lá vai um ano de namoro então significa que a coisa é seria e que seja para durar :)

      Beijinho*

      Eliminar
    2. Sentir até sinto. Mas pronunciar a palavra é que ainda não sinto necessidade de a fazer. =)
      Sim, felizmente, a coisa é séria e temos os dois a intenção de lutar para que esta relação dure e dure. E enquanto somos os 2 a querer, já é bom =D

      Eliminar
  10. Definitivamente nem todas as pessoas dão o mesmo significado à palavra AMO-TE.
    É uma das coisas que gosto mais na língua portuguesa, a palavra amo-te tem de facto um significado forte e sim, sem dúvida que está incrivelmente banalizada.
    É pena porque isso só deixa as pessoas confusas e provoca problemas de comunicação. "Gosto de ti" é uma coisa, "adoro-te" é outra e "eu amo-te" é algo tão grande que acho que não é possível descrever usando outras palavras.
    No inglês, por exemplo o "I love" é usado para pessoas mas também é normal ser usado para coisas ou situações, é apenas um nível acima de "I like" mas "eu amo-te" está noutra dimensão!
    Não podia concordar mais contigo em relação a este post.

    ResponderEliminar
  11. Olá,
    parece-me a mim que às vezes complicamos demais as coisas: ou se gosta ou não se gosta (ás vezes as pessoas andam é desencontradas). Tudo o resto vem naturalmente...E quando isso acontece, nem sempre se controla... e o "amo-te"... simplesmente acontece!!!!! E quando é verdadeiro e correspondido, o que nos dá a tal segurança necessária, tudo se torna fácil. E cada pessoa é diferente da outra e cada um tem os seus "timings". Mas é sempre giro divagar sobre este tema. Felicidades.
    Mariana

    ResponderEliminar
  12. O importante é que será sentido quando o disseres :)

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

A Madrinha tem Saudades Tuas

Tragédia que Nunca Esquecerei

Avó Ausente