São Valentim - Dia dos Namorados


Chegou o dia 14 de Fevereiro de 2012, ou seja, o dia dos namoricos :p 

Como já era de esperar, tinha de comentar este dia, visto que ando toda lamechas nestes últimos dias, mas penso que este ritmo romântico não vá durar assim tanto, porque a minha bem dita inspiração de vez em quando faz faísca e não pega fogo. 

Mas retomando ao que ia a dizer, dia dos namorados, um dia que para mim será como um outro qualquer, com alguma pena minha passarei este dia “sozinha” (o que já é habitual), por isso que pretendo nem sequer pensar que vou mais uma vez e mais um ano passar como um dia normal. É verdade que este dia não é mais nem menos que uma mais valia a nível comercial e para o real consumismo, porque amor que é amor, sendo este verdadeiro, é demonstrado todos os dias e não precisa necessariamente de algo material para o fazer. Claro que não devemos ser excessivamente românticos todos os dias, mas um gesto de carinho, uma palavra sincera, um beijo apaixonado é algo que podemos e devemos fazer. Ao proporcionar este tipo de amor pela outra pessoa certamente vamos alegrar o seu dia e esboçar um imenso sorriso. E o dia dos namorados somente dará um incentivo a por exemplo fazer algo especial, algo que não fazemos diariamente. É lógico que podemos em qualquer altura realizar esse acto especial, mas pronto o dia de namorados também serve, principalmente porque oferecem descontos e em tempos de crise à que aproveitar :p 

Eu confesso achar piada ao dia, até porque adoro oferecer presentes e fazer surpresas. Contudo, não espero nada em troca, mas claro que adoraria que me retribuíssem da mesma forma. 

Desejo àqueles que se amam e namoram, um feliz dia e que aproveitem bem cada minuto das suas paixões. Enquanto aos solteiros desejo um dia feliz, normal como tantos outros, mas com esperança e pensamento positivo no encontro de alguém que um dia nos dará aquilo que ansiamos.

Comentários

  1. É bem verdade o que disse sobre o amor "sendo este verdadeiro, é demonstrado todos os dias". Adorei! Aliás, aqui no Brasil, comemoramos o dia dos namorados em 12 de junho. Se até lá encontrar o menino do post "quem és", poderá comemorar a data acompanhada ainda este ano...Bjsss

    ResponderEliminar
  2. Isa E.

    Não sabia que no Brasil tinha uma data diferente para o dia dos namorados :)
    Era bom que encontrasse sim, esse alguém, mas não sei se será assim tão brevemente. Talvez porque já estive muito tempo sozinha e pense que nem tudo acontece assim tão breve como desejamos. Mas quem sabe? :)

    ResponderEliminar
  3. Concordo inteiramente ctg nao podia estar mais de acordo na maneira como defines o amor e o modo de o expressar. Vale quanto a mim mt mais os pequenos gestos no dia a dia do que um objecto oferecido num dia banal como o de hoje. E nao tem piada saber que hj é dia de receber alguma coisa quando a nossa melhor prenda é a partilha do dia a dia com a pessoa que amamos =)

    ResponderEliminar
  4. Quando menos esperares vais encontrar alguém com quem partilhar o dia.

    http://viverentrelacos.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  5. Agradeço em nome dos solteiros o desejo de bom dia. :p

    ResponderEliminar
  6. Um abraço sentido é a melhor prenda que nós podemos receber neste dia e em todos os outros :))

    ***

    ResponderEliminar
  7. ....disseste quase td o que eu diria sobre o assunto...uma vez mais...apesar de eu ñ gostar de dar presentes por medo q a pessoa n goste....mas sim mt miminho...smp q m lembrar e sem motivo...apenas porque gosto...e é exactamente isso q espero da outra pessoa se e quando a encontrar...ñ apenas neste dia mas em todos em q estivermos juntos...=)
    bj*

    ResponderEliminar
  8. é sempre interessante ver alguém escrever assim de uma forma apaixonada :) mesmo quando o dia seja estúpido pois destina-se a celebrar o enforcamento de um padre, o São Valentim. Mas fora isso gosto da forma apaixonada como escreves ;)
    beijinho

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

A Madrinha tem Saudades Tuas

Tragédia que Nunca Esquecerei

Avó Ausente