Loucamente Perdidos de Prazer

No calor do nosso beijo eu quis impressionar-te com movimentos excitantes com a língua, demonstrando o prazer que naquele momento eu estaria a sentir. Quando sentiste a minha língua tocar na tua, todo o teu corpo exaltou-se, querias de alguma forma me despir naquele momento e apoderares-te de mim, do desejo que tinha por ti. A sensação de te ter nos meus braços foi apaixonante e cada vez que algum gesto me excitava, eu continuava a tocar-te em zonas que tu próprio perdias o controlo e a exaltação tornava-se bem maior. A minha maneira de te provocar deixava-te louco, tão louco que chegava ao ponto de não aguentares mais e rasgares as minhas roupas como se não houvesse amanhã. Eu nesse momento entregue a ti, ofereço todo o meu amor e prazer e puro desejo colada a ti. Finalmente os nossos corpos tocam-se intensamente, nossas mãos passam por todas as zonas dos nossos corpos e nossos beijos são cada vez mais molhados e brutalmente apetecíveis. De luz acesa e descobertos, não havendo qualquer pudor entre nós éramos então um só, cheios de desejo e de um amor loucamente explosivo. Acabamos mais um momento que nos une, completamente perdidos de exaustão e felizes pela imensa paixão.

Todo o amor entre duas pessoas envolve prazer
Carinhos, beijos, afectos e muita paixão
Assim bastará apenas o desejo de querer
Fazer amor com todo o sentimento vindo do coração.

(P.S.: Hoje deu-me para isto.)

Comentários

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

A Madrinha tem Saudades Tuas

Tragédia que Nunca Esquecerei

Avó Ausente